Mundo das Dicas

Vítimas sequestradas americanas


Tudo sobre o caso das vítimas americanas que foram sequestradas

vitimas Vítimas sequestradas americanas

O mundo ficou chocado em saber de mais uma atrocidade que aconteceu nos Estados Unidos. Naquele país, um homem em Ohio mantinha três mulheres em cárcere em sua própria casa por dez anos.

O homem em questão é Ariel Castro, homem de 52 anos que foi motorista de ônibus escolar na área de Cleveland, em Ohio até novembro do ano passado. Outro detalhe escabroso deste homem é que ele mantinha relação com a família de uma das desaparecidas, frequentando as vigílias de aniversário das desaparecidas. Entre as reféns mantidas em cativeiro por dez anos estão: Amanda Berry, Gina de Jesus e Michelle Knight. Ele inclusive tinha relação com alguns parentes das vítimas, como Tito de Jesus, tio de Gina fazia parte de uma banda em que Ariel participava.

Segundo parentes de Ariel ele nunca deu pista do que fazia e mantinha duas personalidades, sendo a mais obscura escondida. Alguns vizinhos inclusive ficaram descrentes que ele, um homem pacato fosse um sequestrador doentio. Mas o suspeito tem antecedentes criminais. Os registros policiais dele revelam um pouco deste lado obscuro, foi preso por violência doméstica e perturbação da ordem pública, em 1993. Ele também tem em seus registros a acusação de bater na ex-mulher, em 2005, quebrando o nariz dela, costelas e um dente. Ele ainda foi procurado pelo polícia de Cleveland seis vezes, por infrações de trânsito, entre 1995 a 2008.

Entre as atrocidades que aconteceram ele manteve as jovens por dez anos e estuprou todas elas, sendo que uma delas, Michelle Knight, hoje com 32 anos, engravidou e sofreu cinco abortos ocasionados por espancamentos e também porque Ariel a mantinha sem comida por até 2 semanas. Ela ainda foi obrigada a fazer o parto de outra vítima, Amanda, que teve uma filha no cativeiro, hoje com seis anos e que foi provada ser filha de Ariel.

O acusado foi condenado por três sequestros e estupros e manter em cárcere uma criança. Pior que este não é o primeiro caso de cárceres por longos anos que o mudo já presenciou o que é muito triste para a humanidade.

Mais Dicas


Compartilhar -


Categorias: Dicas